Dança do Ventre – a dança da fertilidade

dança-do-ventre-facebook-2

A origem exata da Dança do Ventre ninguém sabe ao certo, há muitas versões e até contradições. Mas, os poucos estudos a respeito indicam que ela surgiu no Antigo Egito vinda de rituais ligados à fertilidade da terra e da mulher.

Originalmente o nome da Dança do Ventre é Racks el Sharqi, cujo significado do árabe é Dança do Leste. Traduzido pelos franceses como Danse du Ventre e pelos norte-americanos como Belly Dance, ela já chegou ao Brasil como Dança do ventre.

Chegou ao Brasil, portanto, como Dança do Ventre, ou Dança Oriental Árabe ou ainda Dança do Leste que seria a forma mais correta de chamá-la, de acordo com a tradução do árabe para o português.

Shahrazad, cantora e dançarina, foi a professora pioneira da Dança do Ventre no Brasil, desenvolveu sua carreira divulgando essa arte através de vídeos, artigos, entrevistas e aulas. E ela defende que a Dança do Leste foi o nome dado a esta dança porque significa onde o sol nasce, ou seja, de onde a mulher recebe as energias e o poder do Sol.

Origem e finalidade da Dança do Ventre

Não se sabe ao certo onde e quando a Dança do Ventre surgiu, a teoria mais aceita diz que a Dança do Ventre surgiu no Antigo Egito, em rituais, cultos religiosos, onde as mulheres dançavam em reverência a deusas.

Os movimentos ondulatórios e batidos dos quadris reverenciavam a fertilidade e celebravam a vida. Esse ritual com finalidade religiosa levava a crer que as mulheres reverenciavam as deusas que acreditavam ser as responsáveis pela vida da terra e pela vida gerada no ventre da mulher.

Segundo a história, ao dançar, as mulheres fortaleciam a região pélvica, se preparando assim para ser mães, pois a dança favorecia o parto.

Cogita-se que quando os árabes invadiram o Egito no ano 639, eles se apropriaram da Dança do Ventre e a espalharam a dança para o mundo.

A Dança do Ventre hoje

A Dança do Ventre hoje é praticada como dança cultural, artística e profissional.

  • Cultural porque ela faz parte do patrimônio cultural de muitos países;
  • Artística e profissional porque pessoas estudam, treinam, se apresentam e ensinam essa dança, fazendo dela uma profissão.

Muitos anos após seu provável surgimento, a Dança do Ventre passou por diversas influências culturais de diferentes épocas e países, mas a essência ainda é preservada.

Venha dançar, conhecer intimamente esse ritmo e descobrir a sensualidade que há dentro de você.

Inscrições Abertas